sábado, 6 de setembro de 2014

MARINA, QUER SER MITO?

MARINA SILVA, CANDIDATA A PRESIDENTE DO BRASIL, EVANGÉLICA.
O que acontece na história com os personagens populares? Muitos deles viram mito, e a sua trajetória transforma a literatura real em ficção. Marina pode assumir esse risco, e continuar sua vidinha pública sem nenhum remorso, afinal ela vem da linhagem dos excluídos, da base do PT, DOS SERINGAIS  e agora envereda pelo campo espiritual comas sandálias da humildade. Mas, em quanto tempo dona Marina trocará suas sandálias pelas botas da opressão? Quando o cajado estiver em suas mãos e seus súditos aos seus pés, o que a fará pensar imparcialmente e a tomar suas decisões? A bíblia? o aconselhamento de um homem religioso? ou sua história de lutas e sofrimento? Aos mitos, que preservam as páginas dos livros antigos, a morte lhes é a coroa da glória. O fim é a estima que todos, os verdadeiros e coerentes, pretendentes a mito; vivenciam a cada  instante com a sua prática. Então será que foi mesmo Deus que a impediu de entrar naquele avião? Será que há um destino traçado na história do Brasil e do Mundo que entronizem o "Verbus" e a dualidade comprometedora da incoerência política num capítulo dos livros de história? Não saberemos ainda. Dia 05 de Outubro se aproxima. A corrida entra na curva final e a reta é uma questão de tempo, o fôlego estratégico; espiritual ou não, determinará a raia que melhor conduzirá, seus algozes,  ao triunfo. Que estejamos cientes de uma comodidade rasteira na política e uma eferverscência, quase esquizofrênica,  religiosa em nosso país por esses dias.  

Nenhum comentário: