quinta-feira, 20 de outubro de 2011

A CRISE DO CAPITALISMO MEXE COM O ORIENTE!

Passo a entender que o sorriso estampado do sr. capital ao ver a boa e velha senhora mídia anunciar aos quatro cantos do mundo a possibilidade de uma democratização em locais onde a ditadura (religiosa ou não) imperava, é apenas mais um sintoma da grande estratégia globalizante de transformar o mundo em um só mercado... A morte de mais um suposto "bandido" demonstra que os "mocinhos" de Hollywood ainda conquistam novos fãs. Essa história eu já vi e ouvi nas telinhas em preto e branco aqui mesmo pelo sertão escaldante do meu quintal. Espero que mesmo assim com toda esta suspeita o mundo se torne melhor. Uma coisa é certa o avanço do capitalismo no mundo e a transformação das pessoas em objetos de mercado é um fator social de grande relevância na história da humanidade. O capitalismo conseguiu, em tese, driblar o fracasso de sua arrogância e apresentar ao mundo que seu avanço é irrevogável frente a situação desastrosa do socialismo em certas regiões. O que devemos entender com tudo isso? Que a máquina do capitalismo está sem ordem e perdeu o freio, para isso está sendo obrigada a invadir territórios antes nunca sonhados em tão pouco tempo, que sá Cuba seja um exemplo vivo desse desempenho fracassado do capitalismo frente ao serviço prestado pelo socialismo. Pensemos na possibilidade de mudanças, sim, mas com horizontes voltados para o povo que sofreu e sofre - se este for o caso - e que a liberdade tenha voz e direito nessa época tão conturbada.