sexta-feira, 20 de outubro de 2017

02:18

Meus dedos. Eu ouço a madrugada perfeita estranha. Não posso rezar hoje. 
Meus dedos.

Nenhum comentário: